Como Chegar na Cachoeira da Macumba em Itaipava

Localizada em Itaipava a Cachoeira da Macumba está se tornando cada dia mais famosa em meio aos amantes das belas paisagens, dona de uma das paisagens mais lindas e exuberantes que uma cachoeira pode oferecer.

Essa cachoeira já ganhou o título de Janela do Céu de Itaipava, ou Janela do Céu de Petrópolis, fazendo uma referência ao nome da famosa cachoeira de Ibitipoca em Minas Gerais.

Há quem diga que a maioria das pessoas que foram até lá nem chegaram a conhecer a parte que a torna tão famosa assim, a parte da janela, pois para conhecer essa parte é necessário subir mais alto na trilha, fazendo com que muitos desistam, mas acredite, vale muito a pena.

A Cachoeira da macumba está localizada entre Itaipava e Teresópolis, no Rio de Janeiro.

Como já dissemos, é a cachoeira dona de uma das paisagens mais lindas do RJ, se você quer se refrescar em um mergulho pra lá de relaxante, fazer rapel na queda da cachoeira e claro, apreciar sua vista encantadora, está no lugar certo.

Vamos te apresentar tudo que você precisa saber para embarcar nessa trip com total segurança e tranquilidade.

Primeiro, é importante entender que o nome Cachoeira da macumba foi dado pelo fato de que por ter um acesso muito fácil, muitos acabam indo lá para fazer alguns trabalhos e oferendas para suas religiões, e acabam deixando o local sujo.

De tanto que as pessoas encontravam os vestígios dos trabalhos quando estavam indo para a cachoeira, foi surgindo o apelido e veio a se tornar o nome dessa cachoeira: A Cachoeira da Macumba.

Mas fique tranquilo, recentemente fizeram uma limpeza legal lá, deixando a paisagem cada vez mais limpa e bonita, fazendo com que as reclamações da sujeira do lugar diminuíssem quase que por completo, pelo menos não estão mais ocorrendo de visitantes se deparando com os vestígios das oferendas etc.

Conhecida Também Como a Cachoeira dos 13

Cachoeira dos 13

A cachoeira da Macumba também é muito conhecida como cachoeira dos 13.

Então se você ouvir dos locais, cachoeira dos 13 ou cachoeira da macumba saiba que se referem ao mesmo lugar.

Você irá encontrar duas explicações para o nome e, ainda não se sabe bem qual é a correta, ou se as duas estão corretas, mas aí está:

– A primeira explicação faz total sentido pois nos diz que que o local é assim chamado pois está localizado exatamente no km 13 da BR-495.

– Já a segunda explicação é mais histórica e essa diz que aquela é a rota utilizada no passado pelos escravos, para fugir, e lá havia o quilombo 13, e assim ficou como cachoeira dos 13.

E como já explicamos, o nome Cachoeira da Macumba surgiu por conta das várias oferendas religiosas deixadas no início da trilha e, até mesmo, ao redor das quedas do primeiro poço.

Como Chegar na Cachoeira da Macumba

A Cachoeira da Macumba está localizada na serra que liga Itaipava e Teresópolis.

Não é um destino difícil de chegar, bem pelo contrário, então vá em direção à serra de Teresópolis pela BR-495 no Km 13 lá vai estar a entrada da cachoeira.

Ela fica em uma curva um pouco fechada então é importante diminuir a velocidade e redobrar a atenção, mas não se preocupe não é nada de mais na verdade a estrada em si, é muito boa e existem placas indicativas na entrada da trilha que são bem visíveis.

Estrada Itaipava x Teresópolis

BR-495, a estrada entre Itaipava e Teresópolis (Foto: Luciana Guilliod)

Ainda assim é bom que você vá prestando bastante atenção no caminho, nas quilometragens marcadas na estrada etc.

Próximo ao KM 13 você irá visualizar que tanto a entrada, quanto as placas que indicam a localização da trilha ficam do lado direito da estranha, sentido Itaipava x Teresópolis. Logo depois da curva que mencionamos.

Logo ao lado de uma ponte branca vai estar uma pequena entrada, mais a frente, você chegará em um descampado, onde poderá estacionar o carro se necessário.

Feito isso, é só seguir pela trilha que começa ali mesmo no estacionamento e é bem demarcada, fique tranquilo, não tem como errar.

Você também pode escolher passar apenas na parte de baixo da cachoeira, onde há alguns poços e quedas menores, que é o que muitos fazem.

Porém, a paisagem mais bela dessa cachoeira não está na parte alta, então se já está ali, por que não subir um pouco mais e aproveitar uma vista esplendida de uma grande queda d’água?

Vale ressaltar que o passeio já começa no caminho, já que esse trecho da BR-495 é muito bonito.

Aproveite para registrar o passeio já a partir do caminho até lá, você não vai se arrepender.

Apesar de muitas curvas, a estrada proporciona um visual incrível com montanhas e árvores floridas, além de ser muito bem preservada e sinalizada.

Cachoeira da Macumba Possui Estacionamento Próximo

Como mencionado, logo na entrada da trilha existe um espaço aberto, coo um descampado com capacidade para estacionar até 15 carros.

Pra você conseguir parar por ali é necessário chegar cedo, bem cedo mesmo, por volta das 8H já é possível encontrar o lugar bem cheio, com poucas vagas restantes.

É bom ter alguns cuidados ao deixar o carro lá, como em qualquer lugar desconhecido, evite deixar documentos, pertences de muito valor a mostra ou no próprio carro.

E claro, não esqueça de trancá-lo (Acredite, acontecem casos assim em todo lugar).

Trilha para a Cachoeira da Macumba em Itaipava

Se você tiver sorte logo no pé da trilha vai encontrar um vendedor de caldo de cana, água de coco e alguns biscoitos e sanduíches.

Vale a pena comprar pelo menos água para beber durante a trilha. Mas não se garanta com ele, afinal ele não está sempre lá.

A trilha até a queda principal é muito bem sinalizada e de dificuldade baixa sem muitos obstáculos, longos períodos de caminhada, morros, escaladas e afins.

Até mesmo idosos e crianças podem fazer sem correr perigo.

Trilha para a Cachoeira da Macumba

Foto: Rodrigo AGC – Trilha da Macumba

Logo no início, com 3 minutos de caminhada, já é possível encontrar e apreciar a primeira parte da cachoeira.

Muita gente gosta de ficar por ali para tomar banho e relaxar.

Essa parte possui alguns poços e pequenas quedas e é bem calmo, não oferecendo grandes perigos a crianças e idosos é uma parte bem movimentada, pois nem todos querem subir até a queda superior.

Com menos de 10 minutos de caminhada você chegará na queda principal, onde se pode apreciar um enorme e exuberante paredão de aproximadamente 35 metros de altura é algo que nos faz se sentir pequeninos de tanta beleza.

Nessa parte também possui um poço delicioso para quem gosta de relaxar e ficar embaixo da queda apenas apreciando a paisagem.

E então seguindo para a parte mais alta da cachoeira da Macumba, você chegará a “Janela do Céu” uma bela paisagem que assim como o nome já diz, forma uma linda janela natural que, além de ser um belíssimo cenário, possui um pequeno poço que é ótimo para quem gosta de relaxar em meio à natureza.

Com 5 minutos de caminhada você chega à janela do céu, porém, é importante ressaltar que é uma trilha bem alta e muito exposta, aberta, que evidencia a altura do lugar causando desconfortos bem desagradáveis aos mais sensíveis com altura.

Janela do Céu

Foto: Boca da Onça/G1

Se você tem desconforto com altura ou não está acostumado a fazer trilhas, não é aconselhado subir até lá, se estiver com crianças ou idosos não arrisque.

Sua segurança deve estar sempre em primeiro lugar. A vista do alto da queda d’água é muito bonita e as árvores são responsáveis pela moldura que transforma a vista em uma janela.

São duas janelas: a primeira onde as árvores são mais fechadas, deixando a janela menor e a segunda, que fica ao lado, onde a vista é mais aberta e mais bonita.

E mais uma vez nós reforçamos, CUIDADO, tenha responsabilidade com seus filhos, pais, avós, amigos e com sua própria vida.

É uma parte da cachoeira que exige máximo cuidado e atenção, qualquer deslize ou brincadeiras inconsequentes na parte molhada ou na ponta, pode gerar acidentes gravíssimos e até pior.

Infelizmente não são poucos os casos de pessoas que decidiram fazer brincadeiras de desafios, fotos e coisas parecidas na ponta da pedra e acabaram por ter um final triste.

Não se coloque em perigo por uma foto.

Rapel na Cachoeira da Macumba

Com quase 35 metros de descida. O rapel é montado na parte mais alta da cachoeira da Macumba, é lá que você pode organizar sua descida, geralmente ficam algumas empresas lá, fazendo as descidas, o preço varia em média R$ 40,00.

A maior parte da descida é até tranquila pois tem até pedra para apoiar os pés o que se chama de “POSITIVO”.

Porém, não se engane, existem dois momentos que a aventura chega no “NEGATIVO” que no rapel, é quando se desce apenas com o apoio da corda, sem ter onde encostar os pés, para quem curte uma adrenalina, é um passeio ideal.

No entanto, a passagem pela parte negativa é bem rápida e mesmo que você nunca tenha vivido essa experiência, ainda assim será tranquilo, pois não são trechos de dificuldade alta.

E por fim, a aventura termina bem perto do poço principal da Cachoeira da Macumba.

E como recompensa da descida você pode se render a um convidativo mergulho delicioso no calor e na adrenalina da descida.

Avisos de Utilidade Pública

Por mais que seja bem convidativo ir para lá em dias da semana com menos pessoas para relaxar sem muita gente ao redor, evite isso.

Ir em dias de semana, com o local muito vazio acaba por ser perigoso, afinal é apenas trilha e mato, no meio de uma avenida.

Chegue cedo, pois o estacionamento costuma encher rápido.

Em dias de tempo ruim, chuvoso, adie o passeio. O risco de tromba d’água é grande isso atrapalharia todo o seu roteiro trazendo até prejuízos materiais.

Leve uma sacola para guardar todo o seu lixo, lá não tem lixeira, e você não quer poluir um lugar lindo como esse não é mesmo?

E por último, mas não menos importante, leve repelente e protetor solar, acredite não damos importância para essas duas coisas, mas só quem já ficou se cocando ou com a queimação do sol sabe o quanto isso atrapalha um passeio.

Veja também: